Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nenhures

Nenhures

03
Mar24

O PAN na campanha

jpt

PAN.jpg

Durante as campanhas incidimos - resmungamos, claro - mais sobre os discursos (pre)dominantes, os dos grandes partidos. Pois são mais escutados pelos eleitores, são mais ecoados pelos analistas, comentadeiros, militantes e avençados. Pois, e por mais que haja centralização das campanhas nos líderes partidários (e na quantidade de lágrimas que lhes brotam diante de Cristina Ferreira), os grandes partidos têm mais locutores encartados - vejam-se os sucessivos dislates dos actuais Sousas Laras da AD. E, acima de tudo, porque esses partidos exercem o poder, nas suas múltiplas formas, e têm um passado e um presente de efectivas (e executivas) opções, o que dá pano para mangas para quem os queira criticar. E, já agora, para quem deles queira desconfiar. Assim sendo os "pequenos" partidos passam mais incólumes, as suas aleivosias são ditas meras "excitações" até amadoras, o inadmissível reduzido a patusco. E foi isto que pensei ontem num café, alguém me chamou a atenção para o que constava na televisão, a dirigente do PAN a propôr que os bombeiros tenham equipamento para reanimação dos animais de estimação. Não é só o patético desta ideologia dos "lulus" que tanta grassa na sociedade, torpemente mascarada de preocupações ecológicas. É mesmo este desplante total, diante da situação da sociedade portuguesa relativamente às questões da saúde pública. E não só... E ainda assim há gente, concidadãos, que votam nisto. Pois são estes PAN "simpáticos" ou têm "boas causas", ou lá como se justificam para apoiarem esta vergonha.

03
Mar24

Os Dias Loucos do PREC

jpt

PREC.jpg

E dado que se está em ano de cinquentenário, amanheci tirando da estante mais um livro herdado e que desconhecia, este "Os Dias Loucos do PREC", feito pelos excelentes jornalistas Adelino Gomes e José Pedro Castanheira, publicado em 2006 numa parceria "Público"/"Expresso".
Trata-se da narração dia a dia das 37 semanas entre o 11 de Março. Um trabalho monumental que produziu um documento imperdível: são 430 páginas, com um bom critério da selecção das notícias, imensas fotografias e muito bem paginado. Está-me a ser um achado delicioso.
(A ficha técnica informa que a tiragem deste "capa dura" foi de 20 000 exemplares. Sendo assim, quero crer que haverá por aí alguns disponíveis nos mercados de monos. Quem encontrar algum que o compre, que irá bem servido.)

03
Mar24

Sobre a Ucrânia

jpt

kiev.jpg

Em 23 de Novembro de 2021, no âmbito da relevante Liga dos Campeões de futebol, o crónico campeão alemão e sempre poderoso Bayern de Munique visitou o Dinamo de Kiev, este pálido legado do glorioso clube da era do grande treinador Valeriy Lobanovskyi e sua estrela magna Oleg Blokhin. Logo nesse dia os cultos e perspicazes jornalistas portugueses nos explicaram a realidade. E nisso nos auguraram o vencedor da Taça, para gáudio dos praticantes do Placard. Entretanto os imbecis incultos - caricaturas de pensantes - torciam pelo Sporting. Ou pelo Porto, ou Benfica...

03
Mar24

Fake News Tugas

jpt

tolentino.jpg

É consabido que desde há alguns anos os movimentos de extrema-direita - soberanistas, discriminatórios, genderófobos, fascizantes ou até mesmo fascistas, e também neoliberais (o que é mau é neoliberal, como também é bem sabido) - usam as possibilidades digitais para espalharem "inverdades", as antigas falsidades (ditas "fake news").
 
Em especial durante os períodos eleitorais somos inundados com estas aldrabices. E logo, de modo muito convicto, dignissímas mães de família, laboriosos pais de família, fidelíssimos filhos de família e recatadas filhas de família, acorrem aos seus múltiplos teclados aplaudindo as atoardas, apupando os visados, repassando tais dizeres aos seus vizinhos. Fazem-no com o mesmo afã que os neoliberais destroem os serviços nacionais de saúde, com o fito de matar os velhinhos e os adoentados. E se algum freguês da mesma freguesia os avisa, pacientemente, que estão enganados respondem, ríspidos e ufanos, se non è vero, è bene trovato... E nisso convocam os patifes que têm a mania dos factos para que metam a viola (esquerdista) no saco...!
 
Nos últimos dias essa fascista extrema-direita tem pululado na internet portuguesa. Em frenesim redistribuindo esta vilania cometida sobre o professor Ventura. Como é óbvio - ou deveria ser - para qualquer letrado, o ilustre prelado Tolentino (do qual tenho em casa alguns livros de auto-ajuda) nunca proferiu estes dizeres sobre o antigo comentador futebolístico, autarca de Loures e actual candidato à Assembleia da República.
 
E urge denunciar esta aleivosia da extrema-direita. Eu, por mim, não só o faço aqui, em defesa da democracia. E também, a bem da higiene digital, venho cortando as ligações (no FB) com os ordinários que partilham estas coisas.

03
Mar24

Um blog que é iguaria

jpt

MEC sobre blog.jpg

Para tentar preparar um texto sobre bloguismo estive há poucos dias a vasculhar as já muito antigas ligações com blogs. É consabida a redução da escrita e da leitura em blogs. Como também o encerramento de muitos. Isto para além do desaparecimento de vários, o que é lamentável - e faz-me sempre pensar, desde o início da "onda blogal", sobre o arquivo geral disto tudo, a "Torre do Tombo" do bloguismo, que seria preciosa para se perceberem dinâmicas comunicacionais deste primeiro quartel de XXI. 

Mas outra coisa percebi - para além de mais ou menos recentes blogs (e na SAPO continuam a brotar) há vários veteranos que seguem, uns mais espaçadamente, outros tendo criado ou novos blogs ou tendo migrado para outras plataformas blogais, por vezes mantendo os velhos nomes, outras renomeando. Deu tudo isto para remodelar a minha conta no Feedly, indexando os blogs a acompanhar, às vezes após um sorridente "olha, este ainda cá anda...". De facto, um incremento das (entre)leituras não é apenas impedido pela atenção nas "redes sociais" - essas também em notória regressão de utilização quotidiana. Mas muito mais pela redução das interacções entre blogs, convocando as atenções. Ou seja, no fundo o que falta é o sistema Technorati, que nos avisava de quem nos "ligava", verdadeiro motor da interacção. 

Mas para além de tudo isso há um manancial de blogs cujos autores, saudavelmente, não os apagaram (ou esconderam). Deixando materiais interessantes. Como há pouco descobriu o Grande Miguel Esteves Cardoso, em pesquisas sobre doçaria. E deu de caras com o "É uma iguaria portuguesa, com certeza", um blog da minha amiga e colega Alice Patrício, que há anos o descontinuara. E logo deu disso sinal, em tons encomiásticos, na sua coluna no "Público" (3.2.2024). 

E com o belo efeito de ter causado o regresso da Alice ao bloguismo, logo num apetitoso postal "Pastéis de Santo António". E por tudo isto, e não só, escolho o (regressado) É uma iguaria portuguesa, com certeza como blog da semana. (Adaptação do postal no Delito de Opinião, colocado há dias na rubrica "Blogue da Semana"). 

Pág. 3/3

Bloguista

Livro Torna-Viagem

O meu livro Torna-Viagem - uma colecção de uma centena de crónicas escritas nas últimas duas décadas - é uma publicação na plataforma editorial bookmundo, sendo vendido por encomenda. Para o comprar basta aceder por via desta ligação: Torna-viagem

Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Contador

Em destaque no SAPO Blogs
pub